Autor: Franklin Berwig

Copa do Brasil: Em Bota x Galo, a maior freguesia das quartas. Veja histórico dos 4 confrontos

Todos os confrontos das quartas-de-final da Copa do Brasil 2017, que se iniciarão nesta quarta-feira (29/06), já aconteceram em edições anteriores do torneio. Três deles ocorreram em 3 edições diferentes. O duelo que menos ocorreu foi Flamengo x Santos, que se encontraram em apenas uma edição, a de 2000, em que o Peixe deu de goleada: vitórias por 4 a 0, no Rio, e 4 a 2, no estado de São Paulo. Botafogo 3×0 Atlético-MG Foram 2 confrontos pelas quartas-de-final (2007 e 2008) e 1 pelas oitavas (2013), com classificação do Botafogo em todos eles. Em 6 jogos, 3 vitórias do Botafogo e 3 empates: invicto, portanto, contra o adversário, na história da competição. 2007 – 0x0 em Belo Horizonte, Botafogo 2×1 no Rio 2008 – 0x0 em Belo Horizonte, Botafogo 2×0 no Rio 2013 – Botafogo 4×2 no Rio, 2×2 em Belo Horizonte Palmeiras 2×1 Cruzeiro Palmeiras venceu a final de 1998 e as oitavas em 2015. Cruzeiro ganhou a final de 1996. Em 6 jogos, 3 vitórias do Palmeiras, 2 vitórias do Cruzeiro e 1 empate. 1996 – 1×1 em Belo Horizonte, Cruzeiro 2×1 em São Paulo 1998 – Cruzeiro 1×0 no Mineirão, Palmeiras 2×0 no Morumbi 2015 – Palmeiras 2×1 em São Paulo e 3×2 em Belo Horizonte Santos 1×0 Flamengo Santos venceu os 2 jogos pelas quartas de 2000. 2000 – Santos 4×0 no Maracanã...

Read More

Tem favorito? Fla e Santos possuem aproveitamento alto nas quartas da Copa do Brasil

Dos 8 times que ainda estão na disputa da Copa do Brasil 2017, Grêmio e Cruzeiro possuem os melhores aproveitamentos nas quartas-de-final, fase que irá se iniciar nesta quarta-feira (28/06): se classificaram em 80% das ocasiões. Logo abaixo deles aparecem Santos e Flamengo, que irão se enfrentar por um lugar na semifinal. O Santos passou às semifinais 71,4% das vezes em que disputou as quartas. Foram 7 participações nessa fase e apenas duas eliminações, a mais recente, contra o Internacional, no ano passado. O Flamengo passou às semifinais 68,7% das vezes em que disputou as quartas. Foram 16 participações nessa fase, com 11 classificações e 5 eliminações, a mais recente, em 2011, contra o Ceará. Nas duas últimas vezes que chegou às quartas (2013, contra o Botafogo, e 2014, diante do América-RN), o Rubro-Negro avançou. É o clube que mais disputou essa fase. APROVEITAMENTO NAS QUARTAS DA COPA DO BRASIL Santos – 71,4% Classificação (5) – 1998 (Paraná), 2000 (Flamengo), 2010 (Atlético/MG), 2014 (Botafogo) e 2015 (Figueirense) Eliminações (2) – 1996 (Ipatinga) e 2016 (Inter) Flamengo – 68,7% Classificações (11) – 1989 (Corinthians), 1990 (Bahia), 1993 (Londrina), 1995 (Cruzeiro), 1996 (Inter), 1997 (Internacional), 2003 (Vitória), 2004 (Grêmio), 2006 (Atlético/MG), 2013 (Botafogo) e 2014 (América/RN) Eliminações (5) – 1999 (Palmeiras), 2000 (Santos), 2001 (Coritiba), 2009 (Inter) e 2011 (Ceará) Veja também: Grêmio e Cruzeiro são os papões das quartas da Copa do Brasil Pelo...

Read More

Grêmio e Cruzeiro são os papões das quartas da Copa do Brasil

Maiores campeões da Copa do Brasil, respectivamente com 5 e 4 títulos, Grêmio e Cruzeiro são os 2 clubes com os melhores aproveitamentos nas quartas-de-final, fase que irá se iniciar nesta quarta-feira (28/06). Que Atlético-PR e Palmeiras, adversários dessa dupla, se preparem: Grêmio e Cruzeiro se classificam em 4 de cada 5 duelos pelas quartas-de-final da Copa do Brasil. GRÊMIO – 80% de aproveitamento (12 classificações, 3 eliminações) Classificações – 1989 (Bahia), 1991 (Corinthians), 1993 (Palmeiras), 1994 (Vitória), 1995 (São Paulo), 1996 (Criciúma), 1997 (Vitória), 2001 (São Paulo), 2010 (Fluminense), 2012 (Bahia), 2013 (Corinthians) e 2016 (Palmeiras) Eliminações – 1992 (Inter), 2004 (Flamengo) e 2015 (Fluminense) CRUZEIRO – 80% (8 classificações, 2 eliminações) Classificações – 1993 (São Paulo), 1996 (Corinthians), 1998 (Vitória), 2000 (Botafogo), 2003 (Vasco), 2005 (Baraúnas), 2014 (ABC) e 2016 (Corinthians) Eliminações – 1995 (Flamengo) e 2006 (Fluminense) Confira o aproveitamento, nas quartas, dos outros 6 clubes. SANTOS – 71,4% (5 classificações, 2 eliminações) FLAMENGO – 68,7% (11 classificações, 5 eliminações) PALMEIRAS – 53,8% (7 classificações, 6 eliminações) BOTAFOGO – 42,8% (3 classificações, 4 eliminações) ATLÉTICO MINEIRO – 28,5% (4 classificações, 10 eliminações) ATLÉTICO PARANAENSE – 14,2% (1 classificação, 7 eliminações) Veja também: Pelo histórico de confrontos na Copa do Brasil, estas seriam as semifinais Atlético-PR passou das quartas da Copa do Brasil só uma vez. E foi eliminando um gaúcho CamisetasGozadas.com.br – Clique na imagem para saber...

Read More

Atlético-PR passou das quartas da Copa do Brasil só uma vez. E foi eliminando um gaúcho

Dos 8 clubes que ainda disputam o título da Copa do Brasil 2017, o pior aproveitamento histórico, nas quartas-de-final é do Atlético Paranaense, adversário do Grêmio na próxima quarta-feira (28/06), em Porto Alegre. Das 8 vezes em que disputou esta fase da Copa do Brasil, foi adiante em apenas uma oportunidade: 14,2% de aproveitamento. O Atlético-PR foi eliminado, nas quartas da Copa do Brasil nos seguintes anos (entre parênteses, o adversário que o eliminou): 1992 (Palmeiras), 1997 (Corinthians), 1999 (Botafogo), 2001 (Corinthians), 2007 (Fluminense), 2011 (Vasco) e 2012 (Palmeiras). A única classificação do Furacão nas quartas da Copa do Brasil foi em 2013, ano em que chegaria à final, tendo sido derrotado pelo Flamengo. O Internacional foi o adversário atleticano nas quartas. Em Novo Hamburgo (RS), com mando do Inter, empate em 1 a 1: Paulo Baiuer fez o gol do Atlético; Otavinho, o do Colorado. No jogo de volta, na Vila Capanema, em Curitiba, 0 a 0, o que garantiu a vaga dos paranaenses pelo saldo qualificado. Veja também: Grêmio e Cruzeiro, os melhores aproveitamentos nas quartas da Copa do Brasil. Veja retrospecto dos classificados Goleada, pênaltis… Com vídeos, os mata-matas entre Grêmio e Atlético-PR CamisetasGozadas.com.br – Clique na imagem para saber mais sobre o...

Read More

São Paulo já iguala sua pior série dos últimos Brasileiros

O empate em 1 a 1 com o Fluminense, no Morumbi, pela 10ª rodada do Brasileirão 2017, foi o 5º jogo seguido do Tricolor Paulista sem conseguir vencer na competição. A última vitória foi sobre o Vitória da Bahia, em casa, pela 5ª rodada. São 2 empates e 3 derrotas, série igual à ocorrida entre a 26ª e a 30ª rodadas do campeonato de 2016. Cinco jogos sem vencer é a maior série se vitória do São Paulo, na Série ‘A’, desde o 1º turno da edição 2013, quando foram 12 jogos sem vencer, entre a 3ª e a 15ª rodadas. Foram 5 empates e 7 derrotas, na ocasião. Os 2 próximos jogos do São Paulo no Brasileirão serão fora de casa. Confira os 5 próximos adversários. Vai terminar com o jejum? Flamengo (Fora) Santos (F) Atlético-GO (Casa) Chapecoense (F) Vasco (C) A seguir, o jejum atual do São Paulo no Brasileiro e o do ano passado. 2017 – 6ª a 10ª rodadas – 2 empates, 3 derrotas Corinthians 3×2 São Paulo Sport 0x0 São Paulo São Paulo 1×2 Atlético-MG Atlético-PR 1×0 São Paulo São Paulo 1×1 Fluminense 2016 – 26ª a 30ª rodadas – 2 empates, 3 derrotas Atlético-PR 1×0 São Paulo Vitória 2×0 São Paulo São Paulo 0x0 Flamengo Sport 1×1 São Paulo São Paulo 0x1 Santos   Veja também: Cinco marcas que o Corinthians derrubou ao...

Read More